God of War: Ragnarök é revelado com trailer de gameplay

A Sony e o Santa Monica Studio anunciaram nesta quinta-feira, 9, durante o PlayStation Showcase, God of War: Ragnarök, o nome oficial da sequência de God of War, vencedor do prêmio de Jogo do Ano de 2018. O título tem o lançamento previsto para PlayStation 4 e PlayStation 5 em 2022. Veja o vídeo!

God of War: Ragnarök se passa alguns anos depois dos eventos de God of War (2018). Os ventos gelados de Fimbulwinter chegaram a Midgard, tornando a sobrevivência de Kratos, Atreus e Mimir na selva nórdica ainda mais desafiadora do que antes. Principalmente porque, apesar do último jogo ter construído uma enorme confiança e compreensão entre pai e filho, ainda há uma grande complexidade em suas interações – especialmente após a revelação da herança gigante de Atreus e a profecia oculta que apenas Kratos viu.

Atreus está desesperadamente curioso. Como a maioria dos jovens, ele quer entender quem ele é mais do que tudo. Ou, nesse caso, quem ele poderia ser. O mistério do papel de Loki no conflito que se aproxima é algo que Atreus não consegue esquecer. Ele quer manter sua família segura, mas também não quer ficar parado e não fazer nada enquanto o conflito consome os Nove Reinos.

Kratos, ciente dos seus erros do passado, quer poupar Atreus das lições sangrentas que aprendeu em seu conflito com os deuses. Ele quer manter seu filho seguro, acima de tudo, e seu confronto com Baldur justificou a crença de que só virá de mais complicações com os Aesir. Assim, juntos, Kratos e Atreus terão que fazer uma escolha sobre o caminho que irão seguir. O que quer que eles escolham definirá o destino de todos aqueles que vivem nos Nove Reinos conforme Ragnarök se aproxima.

Os vilões de God of War: Ragnarök

O trailer apresentou dois dos principais antagonistas de God of War: Ragnarök: Freya e Thor. Por causa das ações de Kratos no final do jogo anterior, Freya jurou vingança pela morte de seu filho, Baldur. E ela não é apenas uma usuária terrivelmente poderosa da magia Vanir, mas também é uma guerreira formidável por si mesma. Enfurecida, ela promete usar todas as armas à sua disposição contra o assassino de seu filho.

Também sofrendo a perda de seus filhos e do meio-irmão, Thor está em perseguição contra Kratos e Atreus. Referido depreciativamente por Mimir como o “Maior Bastardo Carniceiro dos Nove Reinos”, ele ganhou seu título como um dos deuses Aesir mais poderosos ao exterminar quase todos os Gigantes sob o comando de Odin.

Gameplay

God of War: Ragnarök promete um combate visceral e espetacular. Você pôde ver apenas uma dica de novas habilidades de ataque, a nova invocação Rúnica para Atreus e, claro, o retorno das armas lendárias de Kratos.

Com um grande rol de inimigos, desde as menores brigas até os grandes chefões, os desenvolvedores prometem combates memoráveis. Além disso, o game promete trazer a maior variedade de locais do que em qualquer outro jogo da franquia.

Lucas Soares

Jornalista e fã de videogames desde criança. Já teve Mega Drive, Game Boy Color, PS1, PS2, PS3, PS4, PSVR, PS Vita, Nintendo 3DS e agora tem "só" um PS5 e um PC Gamer. Para ele, o melhor jogo da história é Chrono Trigger, mas Metal Gear Solid 3, Final Fantasy X, The Last of Us Part II e Red Dead Redemption 2 completam o Top-5.